Quais são os primeiros socorros para crise de diabetes

Quais são os primeiros socorros para crise de diabetes? Para fazer os primeiros socorros para diabéticos é preciso saber se se trata de um episódio de excesso de açúcar no sangue ou de falta de açúcar. Por isso, se for possível, é importante verificar com um aparelho para medir a quantidade de açúcar no sangue, qual o valor da glicemia.

 

Além disso, também é importante saber quais os primeiros socorros em outras situações que podem acontecer no dia-a-dia e que representam maior risco de consequências para o diabético, como ter uma ferida na pele ou torcer o pé, por exemplo (Quais são os primeiros socorros para crise de diabetes).

 

O que fazer quando o açúcar está alto?

Nos casos em que o açúcar está alto no sangue, chamado de hiperglicemia, ou seja, quando o valor do aparelho está acima de 180 mg/dL em jejum ou acima de 250 mg/dL a qualquer hora do dia, ou a vítima apresenta confusão, sede ou hálito de maçã, deve-se:

 

  1. Procurar alguma seringa de insulina que a vítima possa ter para situações de emergência;
  2. Injetar a seringa na região ao redor do umbigo ou na parte superior do braço, fazendo uma prega com os dedos, mantendo-a até ao final da injeção, como na imagem 1;

Como Vencer a Diabetes

  1. Se passado 1 hora, o valor do açúcar continuar igual, chamar ajuda médica, ligando imediatamente para o número 192 ou levar a vítima imediatamente para o hospital;
  2. Caso a vítima esteja inconsciente, colocá-la na posição lateral de segurança, como mostra a figura 2, enquanto espera a chegada da ajuda médica.

Quais são os primeiros socorros para crise de diabetes

 O que fazer quando o açúcar está baixo?

quando o açúcar está baixo no sangue, chamado de hipoglicemia, ou seja, quando o aparelho mostra glicemia inferior a 70 mg/dL ou o indivíduo apresenta sintomas como tremores, pele fria, ou desmaio, é importante (Quais são os primeiros socorros para crise de diabetes):

  1. Oferecer algo doce para comer, como 1 colher de sopa cheia ou 2 pacotes de açúcar com um pão;
  2. Caso o açúcar no sangue não aumente ou os sintomas não melhorem em 30 minutos, voltar a dar açúcar à vítima (caso ela esteja consciente);
  3. Se passado mais 30 minutos o açúcar continuar igual, chamar ajuda médica, ligando imediatamente para o número 192 ou levar a vítima imediatamente para o hospital;
  4. Se a vítima estiver inconsciente, colocar na posição lateral de segurança enquanto espera pela ajuda médica.

Nos casos em que o açúcar no sangue não sobe, é necessário ajuda médica de emergência para a vítima receber remédios pela veia.

O que fazer quando surge uma ferida na pele?

Quando o diabético se machuca é importante cuidar muito bem da ferida, pois mesmo que seja pequena e superficial, a ferida tem maiores chances de apresentar complicações como úlceras ou infecções, especialmente quando acontece em locais mais úmidos ou abafados como os pés, as dobras da pele ou a virilha, por exemplo.

Vermelhidão e Inchaço

Além de cuidar da ferida também é essencial estar atento a alguns sinais que indicam o desenvolvimento destas complicações, como surgimento de vermelhidão, inchaço, dor forte ou pus no local. Nestes casos, é recomendado ir ao clínico geral.
Já quando a ferida é muito pequena mas demora mais de 1 mês para cicatrizar é aconselhado ir em uma consulta de enfermagem para avaliar a necessidade de fazer um tratamento mais especializado, com curativos que favorecem a cicatrização.

Como evitar complicações na ferida?

Durante o tratamento é importante ter cuidados para evitar infecções, devendo-se (Quais são os primeiros socorros para crise de diabetes):

  1. Usar toalhas limpas para secar a região da pele afetada;
  2. Evitar contato com animais domésticos;
  3. Evitar locais com areia ou terra;
  4. Evitar roupas ou sapatos apertados sobre o machucado.

Assim, o ideal é manter a ferida sempre limpa, seca e afastada de situações que possam piorar o ferimento, principalmente até que a cicatrização esteja completa.

O que fazer se torcer o pé?

Se o diabético torcer o pé ou outra articulação, deve-se parar a prática de atividade física e evitar forçar o local afetado, evitando-se andar por muito tempo e subir escadas, por exemplo.
Além disso, deve-se manter o pé elevado para favorecer a circulação e colocar gelo no local afetado durante 20 minutos, 2 vezes por dia, lembrando de enrolar o gelo em um pano úmido para evitar queimar a pele.
A torção geralmente causa inchaço e dor, e deixando a região mais quente e com manchas roxas. Nos casos mais graves, em que ocorra dor intensa e inchaço que não melhora, deve-se procurar o médico para avaliar a gravidade da lesão e verificar se houve fratura.

Sinais de alerta para ir ao médico

O médico deve ser procurado quando:

Em caso de açúcar alto
  • Glicemia capilar superior a 180 mg/dL por mais de 1 hora, em jejum;
  • Glicemia capilar superior a 250 mg/dL por mais de 1 hora, após comer;
  • O paciente fica inconsciente. Neste caso deve chamar-se rapidamente ajuda médica, ligando 192.

 

Em caso de açúcar baixo

  • Glicemia capilar inferior a 70 mg/dL por mais de 30 minutos;
  • O paciente fica inconsciente. Neste caso deve chamar-se rapidamente ajuda médica, ligando 192.
Em caso de feridas na pele
  • Febre superior a 38ºC;
  • Presença de pus na ferida;
  • Aumento da vermelhidão, do inchaço e dar dor no local;
  • Piora do processo de cicatrização da ferida;
  • Perda de sensibilidade à volta da ferida ou formigamento;
  • Presença de suor e arrepios no corpo.

Quais são os primeiros socorros para crise de diabetes

Esses sinais indicam que o local do ferimento pode estar infeccionado, sendo maior o risco de piora da ferida e de complicações, como úlceras.

Nos casos mais graves, quando que estes sinais são ignorados e não é feito o tratamento adequado, o tecido afetado pode sofrer necrose, que acontece quando a região não recebe oxigênio suficiente e os tecidos morrem, podendo ser preciso amputar o membro afetado (Quais são os primeiros socorros para crise de diabetes).

 

Veja também os artigos:

Vencendo a Diabetes de Jose Antunes Livro Digital
O que é Diabetes? Suas Causas e tratamentos

 

2 Comments

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CommentLuv badge